1º. Simpósio de Neurociências Aplicadas e Pesquisa Experimental – 06/05/2017, em Passo Fundo – RS.

SIMPÓSIO S.I.N.A.P.S.E

UM EVENTO IMPERDÍVEL

O 1º. Simpósio de Neurociências Aplicadas e Pesquisa Experimental ocorrerá em 06 de Maio de 2017, das 08 às 18 horas na Unimed Planalto Médio, 3º Andar (Rua Lava Pés, 198) na cidade de Passo Fundo – RS.

Trata-se de um simpósio com objetivo de agregar conhecimentos nas áreas de neurologia, psiquiatria e psicologia, de forma multidisciplinar e inovadora.

De forma conjunta com as palestras, planejamos uma programação social diferenciada, com a participação de artistas e encerramento do simpósio com uma confraternização bastante animada.

Comissão Organizadora:

André Real, Bruna Chaves Lopes, Daniel Lima Varela, Diego Giacomini, Grasiela Marcon, Isabel Cristina Rockenbach, Jacson Hubner, José Ribamar Saraiva Jr, Juliana Severo da Rosa, Keyla Deucher, Patrycia Danna.

você não pode perder esta grande oportunidade.

NOSSOS PALESTRANTES

Teremos a participação de reconhecidos especialistas na área de neurociências, contando com 08 palestras e 02 mesas-redondas, além da divulgação de trabalhos científicos.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO

Formado em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1991). Fez residência médica em neurologia no Hospital de Clínicas de Porto Alegre (1992-1996) e possui o título de Especialista em Neurologia e em Neurofisiologia Clínica pela Academia Brasileira de Neurologia e Associação Médica Brasileira. Tem doutorado em Ciências Biológicas (Bioquimica) na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1999), com doutorado sanduiche em neurociências - University Of California Irvine (1998). Possui pós-doutorado pela USP de Ribeirão Preto 2003-2005. Desde 2006 é professor do Departamento de Medicina Interna da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e médico do Serviço de Neurologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. É membro da coordenação do Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul desde 2006 e desde 2016, coordenador do programa. É consultor ad-hoc do CNPq, CAPES, FAPESP, FAPERGS, FUNCAP, Ministério da Saúde e SciELO. Tem avaliado projetos de pesquisa, artigos outras publicações para instituições e periódicos científicos do país e exterior. Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Medicina Interna, Neurologia e Epilepsia. De acordo com ISI Web of Science (Thomson Reuters), sua produção científica já recebeu mais de 2200 citações de publicações especializadas e seu índice H (Hirsch index) é de 25.

MARINO MUXFELDT BIANCHIN

Médica formada pela Universidade Federal do Maranhão (2003), especialista em neurologia (Paris Vl, 2006; Academia Brasileira de Neurologia, 2011) com complementação especializada em neurologia cognitiva e do comportamento (Universidade de São Paulo, 2007). Obteve mestrado em neurologia clínica pelo Instituto de Neurologia da Universidade de Londres (Institute of Neurology, Queen Square, University College London) (2010) e, atualmente, cursa doutorado em neurologia/neurociência pela mesma instituição. Na prática clínica, atua em neurologia, com especial interesse em neurologia cognitiva e comportamental/neuropsiquiatria, neuro-oftalmologia e distúrbios do movimento. Sua pesquisa foca principalmente os temas: neurociência cognitiva, cognição visual, hemianopsia homônima, doenças neurodegenerativas, demências, Doença de Alzheimer, Atrofia Cortical Posterior e ressonância magnética funcional.

MARI NILVA MAIA

Ator, autor e diretor, atua desde 1992, compôs o elenco do programa humorístico Zorra Total na TV Globo. Trabalhou com artistas renomados como José Salimen Jr, José Antonio Sanchez - Espanha, Lina De La Rocca - Itália, Giba Assis Brasil e Ricardo Puccetti - LUME. Participou de 26 produções teatrais que lhe renderam mais de 20 prêmios em Festivais pelo Brasil. Montagens como: “Ari Areia” Direção: Fátima Ortiz, “O Menino Maluquinho” Direção: Fátima Ortiz, “Tô Sem Freio” Direção: Ângela Gonzaga, “Relaxe e Goste” Direção: Marcio Meneghell, “Psicose - A Comédia” Direção: Edson Bueno, “Diário de um Bonitão”Direção: Sérgio Machado, “Onde o Diabo perdeu as Botas” Direção: Edson Bueno, “O Homem que Acreditava” Direção: Edson Bueno e “Qua Quara Quaqua” Direção: Cleide Piasecki, “Canalhas” de Nelson Rodrigues Direção: Edson Bueno. Com experiência em TV, rádio e publicidade, foi garoto propaganda da Chevrolet de 1994 até 1996, da Pampa Volkswagen, de 2001 até 2011 e a Campanha do Grande Prêmio Petrobrás de Fórmula 1 em 2009. Em 2005, fundou a Cia da Cidade-Grupo de Teatro, um dos grupos de maior expressão da região sul do País. Em 2010, escreve, dirige e atua no espetáculo “Rindo à Toa!!!”, que deu origem ao Núcleo Rindo à Toa.

MÁRCIO MENEGUELL

Médico graduado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2001). Psiquiatra pela FFFCMPA/HMIPV. Psiquiatra da Infância e da Adolescência pelo Serviço de Psiquiatria da Infância e da Adolescência do Hospital de Clínicas de Porto Alegre/UFRGS. Mestre em Psiquiatria pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, dissertação sobre jogos de azar em adolescentes. Coordena o Grupo de Estudos sobre Adições Tecnológicas (GEAT), e é membro da International Society for the Study of Behavioral Addictions. Participou da elaboração do capítulo Gaming Disorder para a 11a edição da Classificação Internacional de Doenças (CID-11) da Organização Mundial de Saúde.

DANIEL SPRITZER

Possui Graduação em Medicina pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) (1992), Residência em Psiquiatria pelo Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) (1995), Mestrado em Ciências Biológicas (Bioquímica) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) (1998), Doutorado em Ciências Médicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2015). Atualmente faz seu pós-doutorado no Programa de Pos-Graduação em Ginecologia e Obstetricia (PPGGO) da UFRGS. É co-orientador de mestrado e doutorado no PPGGO-UFRGS. Faz parte do grupo de pesquisa em Ginecologia e Obstetrícia Molecular da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. É professor Assistente Nível II da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) e Professor Adjunto da Faculdade de Medicina do Centro Universitário do Vale do Taquari (UNIVATES). Professor da Residência em Psiquiatria do Hospital Psiquiátrico São Pedro (responsável pela Disciplina de Transtornos do Humor). Coordena o Programa de Pesquisa e Ensino em Transtornos de Humor (PROPESTH) junto ao Hospital Psiquiátrico São Pedro, em Porto Alegre, RS. Foi Editor da Revista de Psiquiatria do Rio Grande do Sul no periodo de Janeiro de 2004 a Agosto de 2009. Desenvolve pesquisas em Transtornos de Humor com ênfase nas seguintes áreas: psicometria, marcadores hormonais em mulheres, algoritmos de tratamentos farmacologicos e profilaxia do comportamento suicida e autolesivo com litio. Ainda, trabalha desde 1995 como psiquiatra clínico e psicoterapeuta em seu consultório privado. Atualmente é presidente da Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Sul (APRS) para o triênio 2016-2018.

FLÁVIO SHANSIS

Doutor (2013) e mestre (2008) em psiquiatria pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Residência médica no Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IPUB-UFRJ) entre 2002 e 2005, incluindo o terceiro ano em psicogeriatria e psiquiatria social. Possui titulação pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) de especialista em psiquiatria (2005) e psiquiatria geriátrica (2008). Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Maranhão (2001). Desde 2005 é pesquisador associado ao Centro de Doença de Alzheimer do Instituto de Psiquiatria da UFRJ (CDAIPUB/UFRJ), atuando principalmente nos seguintes temas: manifestações cognitivas e neuropsiquiátricas das doenças cérebro-vasculares e neuroimagem dos transtornos afetivos e cognitivos na terceira idade. Foi pesquisador associado da Interconsulta Psiquiátrica Hospitalar, empresa com atuação no Hospital Copa D´or no Rio de Janeiro (2005-2009). A partir de 2012 tornou-se pesquisador visitante do Laboratório de Neurociências da Frankfurt Wolfgang Goethe Universität (Uni-Frankfurt), onde também foi bolsista (2009-2011) pelo programa de doutorado sanduíche do DAAD-CNPq (em parceria com o IPUB/UFRJ). Foi bolsista de pós doutorado (processo 209981/2013-0) pelo CNPq de 2014 a 2016 na Uni-Frankfurt. Atualmente é professor Adjunto do Departamento de Medicina Clinica da Universidade Federal do Ceará.

GILBERTO ALVES

Atuou como tenor solista na Orquestra de Câmara da UPF em 2014. Integra o Coral UPF e Coro Resonare. Além de se apresentar por todo o Rio Grande do Sul, já se apresentou em Curitiba e Londrina/PR, Jaraguá do Sul, Lages e Timbó/SC, Pelotas, Porto Alegre e Vale Vêneto/RS, Bogotá/Colômbia e San Luis Potosí/México. Seu repertório inclui compositores alemães, brasileiros, ingleses e italianos. Se apresentou em eventos locais com a Orquestra da UPF e como solista acompanhado de pianistas nos festivais que participou: Oficina de Música de Curitiba, FEMUSC, Festival Internacional de Inverno da UFSM, Festival de Ópera de San Luis Potosí (México) e na abertura do recital da Mezzo-Soprano Angela Diel acompanhado de violinos em Passo Fundo/RS. Concertos mais recentes: 27/01/2016 como solista tenor 1 na Fantasia Coral no Grande Teatro da SCAR em Jaraguá do Sul no FEMUSC, como tenor no coro das óperas Dido and Aeneas e Carmen em 21/01/2016 e 29/01/2016, respectivamente, ambas no FEMUSC, na sala de Exposições e Grande Teatro da SCAR, respectivamente; no concerto de alunos do Festival de Ópera de San Luis Potosí com o pianista Mario Alberto Hernández no dia 12/08/2016 e como tenor no coro da ópera Don Giovanni em 13/08/2016, na Sala de Concertos e no Teatro Polivalente do Centro de las Artes em San Luis Potosí no México, respectivamente; gravação do Programa Som Daqui 27/09/2016 com o pianista Renan Chapuis no Teatro Municipal Múcio de Castro em Passo Fundo/RS, 19/11/2016 com a Orquestra Sinfônica de Lages no Teatro Marajoara em Lages/SC (segundo ano consecutivo) e em Faxinal dos Guedes/SC em 20/12/2016, 02/02/2017 como personagem Prologue na ópera The Turn Of The Screw e 03/02/2017 como personagem Segundo Escravo na ópera A Flauta Mágica no Pequeno Teatro e Grande Teatro da SCAR em Jaraguá do Sul no 12º FEMUSC, respectivamente.

JULIO PITHAN

Graduação em Medicina pela Fundação Faculdade Federal de Ciências Médicas de Porto Alegre (1987), mestrado em Medicina: Ciências Médicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1996) e doutorado em Medicina: Ciências Médicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2000), tendo relizado doutorado sanduiche na The Cleveland Clinic Foundation, Ohio, USA (1998-99). Realizou estágio pós-doutoral no Queen Square Brain Bank, vinculado a University College London, London, UK (2006-07). Atualmente é professora Associada do Departamento de Clínica Médica - Neurologia e do Programa de Pós-graduação em Patologia da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA). Coordena o Centro de Doença de Parkinson e Distúrbios do Movimento do Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre (ISCMPA/UFCSPA). Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Neurologia e Neuropatologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Doença de Parkinson e Distúrbios do Movimento; doenças neurodegenerativas, e tumores SNC.

ARLETE HILBIG

Olavo Bohrer Amaral é Professor Adjunto do Instituto de Bioquímica Médica Leopoldo de Meis da Universidade Federal do Rio de Janeiro desde 2009. É médico formado pela Universidade Federal do Rio grande do Sul (2002), doutor em Bioquímica pela mesma universidade (2007) especialista em Radiologia e Diagnóstico por Imagem (2006) e pesquisador em Neurociências. Suas linhas de pesquisa incluem modelos teóricos e experimentais para a modificação de memórias aversivas, interações entre a neurociência e a nosologia dos transtornos psiquiátricos, e iniciativas para a melhora da confiabilidade da literatura científica. Como escritor, é autor dos volumes de contos Estática (IEL-RS, 2006) e Correnteza e Escombros (7Letras, 2012), e atualmente trabalha em um livro de não-ficção sobre as relações entre ciência e mercado na definição das fronteiras do diagnóstico médico.

OLAVO AMARAL

Osmar Gasparini Terra, 66 anos, assumiu o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) no dia 13 de maio de 2016. Nascido na cidade de Porto Alegre, o gaúcho foi escolhido pelo presidente Michel Temer para comandar uma das pastas mais importantes da área social do governo federal. Formado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Osmar Gasparini Terra se especializou em Saúde Perinatal, Educação e Desenvolvimento do Bebê na Universidade de Brasília (UnB). Na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC/RS), ele concluiu o mestrado em Neurociência. Terra ingressou no Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) em 1986. Foi eleito prefeito da cidade de Santa Rosa (RS), em 1992. Como suplente na Câmara Federal, ocupou a cadeira de deputado de 2001 até 2003. Em 2007, foi eleito deputado federal pelo Rio Grande do Sul. Em Porto Alegre (RS), Osmar Terra foi superintendente do Instituto Nacional de Assistência Médica da Previdência Social (Inamps), de 1986 a 1988, durante a implementação do Sistema Único de Saúde (SUS) no estado. Trabalhou como secretário estadual de Saúde do Rio Grande do Sul, no período de 2003 a 2010. Foi nesse período que arquitetou e implementou o Programa Primeira Infância Melhor (PIM), que se tornou em política pública estadual em 2006. Foi secretário executivo do Programa Nacional Comunidade Solidária, de 1999 a 2001. Atualmente, Terra está no quinto mandato como deputado federal pelo PMDB. A primeira infância é uma de suas principais bandeiras. Em sua atuação no Congresso Nacional, Osmar Terra foi autor da lei 13.257/2016, que instituiu o Marco Legal da Primeira Infância. No Ministério, ele está à frente de programas como o Bolsa Família e o Criança Feliz.

MINISTRO OSMAR TERRA

AGENDA DO SIMPÓSIO

PROGRAMAÇÃO DO DIA:

SÁBADO, 06 DE MAIO DE 2017

8:00

ABERTURA

8:00 - 8:30

8:30AM

FLÁVIO SHANSIS

8:30AM - 9:10AM

PERDA COGNITIVA NO TRANSTORNO AFETIVO BIPOLAR

09:10AM

GILBERTO ALVES

09:10AM - 09:50PM

NEUROIMAGEM ESTRUTURAL NA DOENÇA BIPOLAR: PRINCÍPIOS, APLICAÇÕES CLÍNICAS E DIAGNÓSTICAS

09:50

INTERVALO

09:50 - 10:10

10:10

ARLETE HILBIG

10:10 - 10:50

NEURODEGENERAÇÃO NA DOENÇA DE PARKINSON: DA CIÊNCIA BASE À APLICAÇÃO CLÍNICA

10:50

MARI NILVA MAIA

10:50 - 11:30

ATROFIA CORTICAL POSTERIOR VARIANTES ATÍPICAS NA DOENÇA DE ALZHEIMER

11:30

MESA

11:30 - 12:00

NEURODEGENERAÇÃO E COGNIÇÃO

12:00

ALMOÇO

12:00 - 14:00

14:00

MARINO MUXFELDT BIANCHIN

14:00 - 14:40

EPILEPSIA DO LOBO TEMPORAL E COMPORTAMENTO

14:40

OLAVO AMARAL

14:40 - 15:20

Lost in translation: contribuições, falácias e danos colaterais da neurociência aplicada à psiquiatria”

15:20

DANIEL SPRITZER

15:20 - 16:00

“DEPENDÊNCIA DE JOGOS ELETRÔNICOS: DAS EVIDÊNCIAS À PRÁTICA CLÍNICA”

16:00

INTERVALO

16:00 - 16:30

INTERVALO

16:30

MINISTRO OSMAR TERRA

16:30 - 17:30

Primeira Infância e Prevenção da Violência: Importância para a Neurociência e para o Desenvolvimento Neuropsiquiátrico da Criança”

17:30

MÁRCIO MENEGUEL

17:30 - 18:10

STAND UP COMEDY

18:10

ENCERRAMENTO E ENTREGA DE PREMIAÇÃO PARA O MELHOR POSTER

18:10 - 18:30

ENCERRAMENTO E ENTREGA DE PREMIAÇÃO PARA O MELHOR POSTER

19:30

FESTA SINÁPTICA

19:30 -

FESTA SINÁPTICA

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE. INSCREVA-SE JÁ.

INSCREVA-SE

ATÉ 23 DE MARÇO

MEIA ENTRADA

R$40

ATÉ 23 DE MARÇO

ENTRADA INTEIRA

R$80

DE 24 DE MARÇO À 23 DE ABRIL

1/2 ENTRADA

R$50

DE 24 DE MARÇO À 23 DE ABRIL

ENTRADA INTEIRA

R$110

DE 24 DE ABRIL À 06 DE MAIO

1/2 ENTRADA

R$70

DE 24 DE ABRIL À 06 DE MAIO

ENTRADA INTEIRA

R$150

INSCRIÇÕES ESGOTADAS

Disponibilidade de 20 vagas na hora do evento. 

INSCREVA SEUS PAPERS E CONCORRA A PRÊMIOS

INSCREVA-SE

A apresentação científica será sob o formato exclusivo de pôsteres, que são temas livres na forma de banner.

Os pôsteres estarão divididos em Três grupos:

1. Produção teórica: Revisões de Literatura Originais, Relatos de Casos Importantes, Prática Clínica, Ensaios Clínicos e Revisão Sistemática – Practice
2. Pesquisas Originais, Ensino e Extensão – University

3. Cultura popular, arte e produção do conhecimento em Neurociências – People

Os melhores trabalhalhos serão premiados.

 

CLIQUE AQUI E CONHEÇA EM DETALHES O REGULAMENTO.

 

Clique aqui e faça o download de um modelo de poster

 

Modelo Resumo – Inscrição

 

Modelo de Resumo – Anais

 

CLIQUE AQUI E CONFIRA OS RESULTADOS DAS PREMIAÇÕES DO 1º SINAPSE

 

INSCRIÇÕES ESGOTADAS

Notícias recentes:

maio 16th

Veja como foi o primeiro S.I.N.A.P.S.E.S

Veja como foi o primeiro S.I.N.A.P.S.E.S:   [gallery columns="4" link="file" ids="1452,1453,1454,1455,1456,1457,1458,1459,1460,1461,1462,1463,1464,1465,1466,1467,1468,1469,1470,1471,1472,1473,1474,1475,1476,1477,1478,1479,1480,1481,1482,1483,1484,1485,1486,1487,1488,1489,1490,1491,1492,1493,1494,1495,1496,1497,1498,1499"]
by wagbrammer 16 maio, 2017 1
abr 12th

No 1º S.I.N.A.P.S.E. a professora Arlete Hilbig nos falará sobre Neurodegeneração na doença de parkinson

No 1º S.I.N.A.P.S.E.  a professora Arlete Hilbig nos falará sobre Neurodegeneração na doença de parkinson: da ciência base à aplicação clínica, fazendo
by wagbrammer 12 abr, 2017 0
abr 12th

A interface entre doenças psiquiátricas e doenças neurológicas é notória.

Neste artigo, um dos poucos do gênero no Brasil, o professor Marino M. Bianchin mostra esta associação, correlacionando epilepsia do lobo temporal
by wagbrammer 12 abr, 2017 3
abr 6th

PERDA COGNITIVA NO TRANSTORNO AFETIVO BIPOLAR

Os estudos neuropsicológicos correlacionando, depressão maior (DM) e transtorno bipolar (TB),  com qualidade de vida (QV) e funcionamento, são recentes e ainda
by wagbrammer 6 abr, 2017 0
abr 5th

NEUROIMAGEM ESTRUTURAL NA DOENÇA BIPOLAR: PRINCÍPIOS, APLICAÇÕES CLÍNICAS E DIAGNÓSTICAS

Nos últimos anos, diversos estudos de ressonância estrutural com tensor de difusão (RNM-DTI) em pacientes com transtorno afetivo bipolar (TAB) tem evidenciado,
by wagbrammer 5 abr, 2017 1
abr 3rd

Dementia

Dra. Mari Nilva Maia disponibiliza artigo original, oriundo do seu grupo de pesquisa no Institute of Neurology, University College London, em Londres,
by wagbrammer 3 abr, 2017 0
Leia mais...

CONHEÇA NOSSOS APOIADORES

  • 1º. Simpósio de Neurociências Aplicadas e Pesquisa Experimental / 06 de Maio de 2017
  • Endereço do evento:

    Unimed Planalto Médio, 3º Andar (Rua Lava Pés, 198), Passo Fundo - RS

  • Encaminhe-nos um e-mail

    contato@simposiosinapse.com

  • Visite-nos

  • www.simposiosinapse.com

  • 54 3581-1831

Warning: getimagesize(http://www.simposiosinapse.com/wp-content/themes/maniva-meetup/images/back_top_meetup.png): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/simpo962/public_html/wp-content/themes/maniva-meetup/template_inc/inc-footer-one-column.php on line 11